EFE/EPA/RITCHIE B. TONGO
EFE/EPA/RITCHIE B. TONGO

Em novo balanço, governo diz que Brasil tem 9 casos suspeitos de coronavírus

Pacientes monitorados estão em Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná e Ceará; 43 casos foram notificados ao Ministério da Saúde, mas nem todos são tratados como suspeitos

Marlla Sabino, O Estado de S.Paulo

30 de janeiro de 2020 | 16h42

BRASÍLIA - O Ministério da Saúde informou nesta quinta-feira, 30, que continua a monitorar nove casos de pacientes com suspeita de coronavírus no Brasil. Apesar de o número ser o mesmo do que já havia sido informado na quarta, 29, casos relatados no dia anterior foram descartados, mas outros, incluídos. No Rio Grande do Sul, por exemplo, entraram dois casos.

Segundo a pasta, os casos estão distribuídos em Minas Gerais (1 caso suspeito), Rio de Janeiro (1), São Paulo (3), Rio Grande do Sul (2), Paraná (1) e Ceará (1). Ao todo, 43 casos foram notificados a autoridades de saúde do País, mas nem todos são tratados como suspeitos.

Em entrevista para apresentar um balanço sobre o coronavírus, Wanderson de Oliveira, secretário de Vigilância em Saúde da pasta, afirmou que a Organização Mundial de Saúde (OMS) avalia se aumentará o nível de alerta no mundo para uma epidemia da doença.

"Pode ter ou não uma mudança de status da OMS. Mas só saberemos após a reunião que eles fazem hoje (nesta quinta)", disse Oliveira, que apresentou o balanço de casos no mundo. Ao todo, 170 pessoas já morreram por causa do coronavírus, todos na China. 

 

Tudo o que sabemos sobre:
coronavírus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.