Em seis anos, R$ 61,3 milhões

Iniciado em 2004 e inaugurado em 2007, o Instituto Internacional de Neurociências de Natal Edmond e Lily Safra (IINN-ELS) foi criado para promover a pesquisa e a formação de cientistas na área de neurociências no Nordeste, sob a liderança de Miguel Nicolelis.

O Estado de S.Paulo

19 Dezembro 2012 | 02h01

O instituto é administrado pela Associação Alberto Santos Dumont para Apoio à Pesquisa (AASDAP), uma entidade público-privada sem fins lucrativos, presidida por Nicolelis. Além do IINN-ELS, a associação gerencia um posto de saúde para gestantes e três escolas de educação científica para alunos da rede pública.

A receita da AASDAP entre 2006 e 2011 foi de R$ 61, 3 milhões, dos quais R$ 19,7 milhões (32%) vieram de fontes públicas e R$ 41,6 milhões (68%), de privadas.

Mais conteúdo sobre:
Miguel Nicolelis

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.