James Gathany/CDC/AP
James Gathany/CDC/AP

Empresa vai usar trens em pulverização contra o 'Aedes aegypti'

Inseticida será aplicado ao longo da via férrea em 46 cidades de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

03 Fevereiro 2017 | 20h29

SOROCABA - A empresa Rumo, concessionária da malha ferroviária em São Paulo e outros três Estados, vai usar trens com vagões pulverizadores para combater o mosquito Aedes aegypti ao longo de suas linhas. A partir deste sábado, 4, os vagões vão operar em 46 cidades de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Três composições da empresa foram montadas para fazer a pulverização. Os equipamentos foram acoplados em vagões e calibrados para aplicar o inseticida de forma segura, ao longo das linhas férreas. Na primeira fase, serão atendidas 16 cidades. As outras 30 terão a pulverização ainda este mês.

Em São Paulo, na primeira fase, será feita a pulverização em São José do Rio Preto, Santa Adélia, Araraquara, Pradópolis, Itirapina e Rio Claro, região onde, além da dengue, zika e chikungunya, há risco de transmissão também da febre amarela pelo mosquito. Neste sábado, a Rumo faz um mutirão para eliminar criadouros ao longo dos trilhos. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.