Empresário é preso por produzir material cirúrgico irregular

Fábrica operava sem autorização da Anvisa na zona leste de SP; polícia investigou esquema por 15 dias

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

02 Dezembro 2009 | 11h10

O empresário L.M.H.J., de 36 anos, foi preso na manhã desta quarta-feira, 2, acusado de fabricar e vender produtos de uso medicinal e cirúrgico sem autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

 

A prisão aconteceu 15 dias após o início das investigações, conduzidas pela Divisão da Saúde Pública, do Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania (DPPC), com o auxilio da Anvisa. O homem foi flagrado na fábrica dele na Rua Belarmino Elisiário de Araujo, no Jardim Miriam, na zona leste da Capital.

Mais conteúdo sobre:
material cirúrgico

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.