DANIEL TEIXEIRA/ESTADÃO
DANIEL TEIXEIRA/ESTADÃO

Entenda o que muda com a liberação de máscaras em ambientes fechados no Estado de SP

Uso da proteção facial contra a covid-19 passou a ser opcional em locais como escritórios, comércios e academias

Redação, O Estado de S.Paulo

18 de março de 2022 | 05h00

O governador João Doria (PSDB) assinou decreto na quinta-feira, 17, que retira a obrigatoriedade do uso de máscara facial em ambientes fechados de todo o Estado. O uso agora torna-se opcional em ambientes como escritórios, comércios, salas de aula, academias, entre outros. A flexibilização em ambientes abertos já havia sido autorizada na semana passada.

Abaixo, entenda o que muda com a nova medida em meio à pandemia da covid-19:

Na prática, onde vai continuar obrigatório o uso de máscara?

Em locais destinados à prestação de serviços de saúde, como hospitais e UBSs, e nos locais de acesso e veículos de transporte coletivo de passageiros, como metrô, trem, ônibus e em aeroportos. A decisão torna o uso de máscaras opcional nos demais ambientes fechados, como escritórios, comércios e academias. 

E nas escolas?

Também está liberado o uso em todos os ambientes, mas algumas escolas ainda aguardam mais informações para se posicionar. 

Como fica a situação dentro das igrejas?

A Arquidiocese de São Paulo recomendou a manutenção do uso em áreas internas de igrejas, pensando sobretudo nos mais vulneráveis.

Quem deveria manter o uso de máscaras?

Pessoas que ainda não completaram o esquema vacinal, além de quem convive com câncer ou HIV, transplantados e outros com o sistema imune fragilizado – para os quais se indica ainda manter os reforços de vacinação em dia.

Qual a justificativa para retirar a exigência?

Segundo o Estado, foi constatada manutenção da melhora dos indicadores epidemiológicos. Pela sexta semana, houve queda de internação.

Os especialistas na área concordam? 

O comitê científico estadual deu aval. Para outros, porém, mesmo que São Paulo tenha 88,66% da população vacinável com as duas doses do imunizante e quase 50% desse público com a terceira, a chegada da variante Deltacron e a predominância da BA.2 no exterior colocam o Brasil em uma situação de risco, em que flexibilizações e relaxamentos são pouco aconselháveis.

Ainda posso usar a máscara facial?

Sim. Apesar de não mais obrigatório, o indivíduo pode manter a proteção em ambientes fechados e abertos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.