Espanha doa 4 milhões de vacinas da gripe H1N1 à América Latina

A Espanha doará quatro milhões de doses de vacinas da gripe H1N1 aos países da América Latina, anunciou nesta quinta-feira a ministra da Saúde e Política Social espanhola, Trinidad Jiménez, em Washington.

REUTERS

04 Março 2010 | 22h46

A doação será feita em março por meio da Organização Pan-Americana da Saúde, com cujos representantes Jiménez se reuniu na capital norte-americana, segundo informou o ministério espanhol em nota à imprensa.

O governo da Espanha comprou 37 milhões de doses da vacina contra o novo vírus da gripe H1N1 para atender 40 por cento da população. Ainda, o Ministério da Saúde adquiriu 10 milhões de doses para atender a todos os casos elegíveis para o tratamento, além de uma reserva estratégica de quase seis milhões de doses.

A incidência menor do vírus no país e a fraca demanda pelas vacinas provocou um excedente de doses que agora a Espanha tenta passar para frente.

(Reportagem de Itziar Reinlein em Madri)

Mais conteúdo sobre:
GRIPE ESPANHA DOA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.