Estado do Rio registra 8ª morte por febre amarela

Número de casos da doença já chega a 21; óbito ocorreu em Macaé

Fábio Grellet, O Estado de S. Paulo

12 Junho 2017 | 18h42

RIO - O Estado do Rio de Janeiro já registra 21 casos de febre amarela desde março. Oito pessoas morreram. A oitava morte foi confirmada nesta segunda-feira, 12, pela Secretaria Estadual de Saúde e ocorreu em Macaé, no norte fluminense, que já registrou quatro casos da doença. 

 

 

Em relação ao balanço anterior, divulgado na sexta-feira, 9, houve três novos casos - o quarto em Macaé e os primeiros em  Niterói e São Gonçalo, municípios da região metropolitana.

O município com mais casos continua sendo Casimiro de Abreu, na Baixada Litorânea, com 7 casos e uma morte. Em Macaé houve 4 casos e duas mortes. Porciúncula registrou 2 casos e duas mortes. Outros oito municípios tiveram um caso cada um: Maricá, Silva Jardim e Santa Maria Madalena, com uma morte cada um, e São Fidélis, São Pedro da Aldeia, Cachoeiras de Macacu, Niterói e São Gonçalo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.