Estoque de bancos de leite humano tem queda de 40% no País

Número equivale a aproximadamente mil aleitamentos a menos a cada mês para bebês prematuros ou de baixo peso

Thaise Constancio , Agência Estado

10 Janeiro 2014 | 16h52

RIO - Os bancos de leite humano de todo o Brasil registraram queda de 40% de seus estoques, desde dezembro. O porcentual equivale a aproximadamente 1,1 mil aleitamentos a menos a cada mês para bebês prematuros ou de baixo peso internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) Neonatais.

A redução da quantidade de leite materno e de doadoras é comum entre os meses de dezembro e fevereiro por causa das festas de fim de ano e das férias, de acordo com o Centro de Referência Nacional e Ibero-americano para Bancos de Leite Humano, do Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz).

O País possui 214 bancos de leite e 125 postos de coleta de leite humano, espalhados por todos os Estados brasileiros. A lista completa dos locais de doações está no portal www.redeblh.fiocruz.br , da Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano (rBLH).

Mais conteúdo sobre:
Bancos de leite Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.