Estudo indica que China pode ser a origem da gripe aviária

Cientistas sugeriram na terça-feiraque boa parte da disseminação do vírus H5N1, da gripe aviária,pode ter surgido no sul da China. Uma análise genética do vírus mostra que variedades delesurgiram no Vietnã, Tailândia e Malásia em 2002 e 2003, que seassemelham em muito com uma cepa encontrada em feiras de avesna província chinesa de Yunnan, descobriram especialistas nagripe. Os cientistas relataram no Journal of Virology que doisvírus encontrados em aves domésticas na província chinesa deHunan em 2002 e 2003 foram os mais próximos aos vírus daIndonésia. "Os resultados indicam um vínculo de transmissão direta dosvírus H5N1 de Yunnan para o Vietnã e de Hunan para a Indonésiadurante 2002 e 2003", escreveram os cientistas, entre os quaisGuan Yi, da Universidade de Hong Kong, e Robert Webster, doHospital Infantil de Pesquisas St. Jude, de Memphis, no Estadonorte-americano do Tennessee. "O comércio de aves domésticas pode ser responsável pelaintrodução do vírus no Vietnã. A rota de transmissão entreHunan e Indonésia ainda não está clara." O vírus H5N1 foi encontrado primeiramente em 1996 num gansona província de Guangdong, sul da China. Um surto da gripeaviária em Hong Kong em 1997 matou sete pessoas. O vírus reapareceu em 2003, quando dois membros de umafamília de Hong Kong que tinham viajado recentemente àprovíncia de Fujian adoeceram, sendo que um deles morreu. Desde 2003, a gripe aviária H5N1 já foi encontrada em maisde 60 países e territórios. Ela já matou 236 pessoas entre 373contaminadas em 14 países -- Mianmar, Turquia, Djibuti,Azerbaijão, Egito, Paquistão, Iraque, Indonésia, Tailândia,Vietnã, China, Nigéria, Laos e Camboja. Hoje a gripe aviária contamina quase exclusivamente aves.Ocasionalmente, porém, o vírus pode ser transmitido a humanos.Especialistas dizem que o perigo é que ele evolua para umaforma facilmente transmissível entre humanos, causando umapandemia que poderia resultar em milhões de mortes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.