Estudo mostra que bactéria pode roubar DNA de outra para se defender

Uma pesquisa realizada na Universidade Paul Sabatier, em Toulouse, na França, e publicada na revista Science mostra que certos antibióticos podem dar às bactérias a habilidade de eliminar bactérias vizinhas e roubar seu DNA. A tática, não identificada até então, pode tornar os micróbios mais resistentes a medicamentos. Ao desenvolver novos remédios, as indústrias farmacêuticas devem evitar combinações capazes de desencadear o mecanismo.

Agencia Estado,

10 de julho de 2006 | 17h35

Tudo o que sabemos sobre:
notícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.