EUA fazem recall de 5 milhões de pizzas congeladas

O problema parece ter se originado na lingüiça pepperoni usada como cobertura das pizzas

01 de novembro de 2007 | 20h46

A indústria alimentícia  General Mills emitiu um recall de 5 milhões de pizzas congeladas, vendidas nos Estados Unidos sob as marcas Torino's e Jeno's, por conta de uma possível contaminação pela bactéria E. coli.   O problema parece ter se originado na lingüiça pepperoni usada em pizzas produzidas em instalações da General Mills em Ohio, diz a companhia. A empresa afirma que a lingüiça foi comprada de um terceiro fornecedor, cujo nome não foi divulgado.   O recall cobre pizzas com pepperoni produzidas desde julho, quando surgiram os primeiros 21 casos de contaminação por E. coli sob investigação nos Estados Unidos. Nove dos 21 comeram pizzas Torino's e Jeno's com pepperoni na cobertura antes de apresentar os primeiros sintomas.   "Agimos por precaução, porque a possibilidade de ligação pode existir", disse um porta-voz da empresa, Tom Forsythe. "Mas ainda não encontramos E. coli em nossa fábrica, nem em nossos produtos".

Tudo o que sabemos sobre:
pizzasrecalle. coli

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.