Fumante é 40% mais propenso à impotência, diz estudo

Os homens que fumam 20 ou mais cigarros por dia têm 40% mais chances de sofrer de impotência sexual que os não-fumantes, concluiu um estudo publicado nesta semana na Grã-Bretanha. A pesquisa, feita pelo Centro de Saúde Australiano e publicada no British Medical Journal, aponta que existe um vínculo direto entre o número de cigarros que um homem fuma e a possibilidade de sofrer de impotência sexual. Os especialistas entrevistaram oito mil australianos com idades entre 16 e 59 anos e os submeteram a exames médicos. Os voluntários precisaram responder sobre seus hábitos de fumante e sobre sua vida sexual. Um entre dez declarou ter problemas para conseguir uma ereção. Desse total, 25% admitiu ser fumante. Cerca de 6% das pessoas que disseram fumar mais de 20 cigarros por dia afirmaram sofrer de algum tipo de disfunção sexual. Comparando-os aos não-fumantes, os homens que disseram fumar mais de 20 cigarros ao dia têm 40% mais chance de desenvolver problemas de ereção.

Agencia Estado,

25 de março de 2006 | 14h28

Tudo o que sabemos sobre:
notícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.