Arquivo/AE
Arquivo/AE

Fundação Michael J. Fox patrocina pesquisa científica sobre Parkinson

Entidade apoia realização de teste clínico, feito pelo laboratório francês Sanofi, para avaliar a segurança e tolerância de um remédio em afetados pela doença neurodegenerativa

Efe,

27 de abril de 2012 | 13h05

A fundação Michael J. Fox patrocinará um teste clínico sobre um inibidor do laboratório francês Sanofi para o tratamento de Parkinson, informaram as duas empresas.

Segundo um comunicado oficial, a fundação Michael J. Fox - criada pelo ator de mesmo nome diagnosticado com Parkinson - patrocinará o teste clínico para avaliar a segurança e tolerância do remédio "AVE 8112" em afetados pela doença neurodegenerativa e crônica.

A nota ainda informa que "todos os dados e resultados gerados no teste clínico serão propriedade da fundação e compartilhadas com Sanofi". As provas serão realizadas em centros clínicos de Baltimore e Los Angeles, nos Estados Unidos.

Ao ator Michael J. Fox, de 50 anos, foi diagnosticado com a doença em 1991. Sete anos depois, passou por uma operação cirúrgica no cérebro para reduzir os tremores que sofria.

O Parkinson, a segunda doença neurodegenerativa mais frequente em maiores de 65 anos depois do alzheimer, se caracteriza, entre outros sintomas, por tremores, rigidez muscular, lentidão e dificuldade para iniciar movimentos e problemas de estabilidade e coordenação.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.