Marcos Corrêa/PR
Marcos Corrêa/PR

Governo do Pará libera transportes coletivos intermunicipais e interestaduais

Serviços passam a integrar a lista de atividades essenciais, sejam terrestres, marítimos ou fluviais

Redação, O Estado de S.Paulo

19 de junho de 2020 | 21h18

Decreto do Governo do Pará liberou os transportes coletivos interestaduais e intermunicipais em todo o Estado. Os serviços passam a integrar a lista de atividades essenciais, sejam terrestres, marítimos ou fluviais.

O Estado do Pará está divido por zonas, conforme número de casos de coronavírus e capacidade de leitos de UTIs. Os municípios da região Nordeste do Estado entraram na Zona de Controle I, podendo retomar de forma gradual as atividades não essenciais.

"Cada município tem autonomia para decretar medidas mais restritivas que as previstas pelo Estado, caso sejam necessárias para o controle da doença no âmbito de seus territórios", afirmou Ricardo Sefer, procurador-geral do Estado.

O decreto do Governo do Pará também prorrogou até o dia 15 de julho a proibição de cortes de seviços essenciais à população, como fornecimento de energia elétrica, água e internet. O prazo anterior era válido até o dia 16 de junho.

O Pará tem ao todo 82.881 casos confirmados de coronavírus e 4.519 mortes causadas pela doença. Nas últimas 24 horas, o Estado registrou 2.809 novos casos e 50 óbitos.

Tudo o que sabemos sobre:
coronavírusPará [estado]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.