Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Felipe Dalla Valle/ Palácio Piratini
Felipe Dalla Valle/ Palácio Piratini

Governo do RS promete vacinar toda a população adulta com a primeira dose até o fim de setembro

Calendário divulgado por governador prevê adultos com duas doses até o fim do ano

Jefferson Perleberg, O Estado de S.Paulo

04 de junho de 2021 | 19h45

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), anunciou que o Estado deve vacinar, com pelo menos uma dose, toda a população gaúcha com mais de 18 anos até o dia 30 de setembro. Por meio de um vídeo no Twitter, Leite divulgou o calendário com base na estimativa de entrega de doses pelo Ministério da Saúde.

Algumas cidades do RS já vacinam pessoas sem comorbidades fora dos grupos prioritários. Segundo a divulgação, o Estado tem a perspectiva de receber mais dois milhões de doses ainda no mês de junho, com essas doses deve-se concluir os grupos vulneráveis, trabalhadores da educação e também garantir a primeira dose para pessoas com 50 a 59 anos.

O calendário ainda mostra para o mês de julho pessoas com idades entre 40 e 49 anos, no mês de agosto, entre 30 e 39 anos e no mês de setembro, entre 18 e 29 anos. A conclusão do esquema vacinal foi marcada para os meses de outubro, novembro e dezembro, sendo toda população adulta do RS até o fim do ano. 

O governador ainda destacou que o RS lidera a lista de vacinação no país. “Nós estamos sempre no topo do ranking e somos o Estado que tem o maior percentual da população com as duas doses da vacina. Essa é uma corrida que todos ganham e no Rio Grande do Sul a gente vai continuar trabalhando para proteger sempre nossa população”, concluiu Leite.

Veja a programação da aplicação da primeira dose contra a covid-19 no Rio Grande do Sul:

  • Grupos de maior vulnerabilidade e profissionais da educação: 1º a 30 de junho;
  • 50 a 59 anos: 1º a 30 de junho;
  • 40 a 49 anos: 1º a 31 de julho;
  • 30 a 39 anos: 1º a 31 de agosto;
  • 18 a 29 anos: 1º a 30 de setembro.

No início da semana, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), também anunciou a vacinação de todos os adultos com mais de 18 anos, até o fim de outubro. O cronograma atualizado apresentado por Doria antecipou em 2 meses a imunização da população em geral e também conta com o cumprimento de entregas previstas por parte do governo federal.

O Estadão detalhou a vacinação de SP no calendário abaixo, confira:  

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.