Gripe aviária causa mortes na Indonésia e China

Um homem indonésio morreu da variedade letal de gripe aviária H5N1 após ter tido contato com frangos infectados de seu vizinho, informou uma autoridade da saúde hoje, citando resultados de testes locais. Amostras do sangue do homem de 30 anos foram enviadas ao laboratório da Organização Mundial da Saúde (OMS), em Hong Kong, para confirmação, disse Hariadi Wibisono, diretor do Ministério da Saúde. Se confirmada, a morte deste homem elevará o total de vítimas do H5N1 para 25 na Indonésia. A China, por sua vez, confirmou que uma menina de oito anos foi infectada pelo vírus H5N1 da gripe aviária, o 18º caso do país. Ela era da cidade de Suining, mostrou sintomas de febre e pneumonia em 16 de abril e estava sendo tratada em um hospital local. Autoridades da Saúde disseram que mortes de frangos foram registradas em sua casa antes de ela adoecer, de acordo com a agência chinesa de notícias Xinhua. Testes laboratoriais confirmaram que a menina estava contaminada.

Agencia Estado,

28 de abril de 2006 | 16h20

Tudo o que sabemos sobre:
notícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.