Gripe aviária mata mais uma pessoa na Indonésia

Dados da Organização Mundial da Saúde indicam que a doença já infectou 334 pessoas no mundo todo

EFE

10 de novembro de 2007 | 05h38

As autoridades da Indonésia confirmaram neste sábado a morte por gripe aviária de um paciente de 31 anos esta semana, o que aumenta para 91 o número de vítimas fatais no país em função do vírus H5N1. O doente, identificado como Muhamad Nabi, da província de Riau, na região central da ilha de Sumatra, morreu enquanto era trasladado a um hospital no dia 6 de novembro, segundo o site "DetikNews". Aparentemente o doente estava há três dias com febre alta quando foi trasladado ao centro de saúde de Pekanbaru, na região central de Sumatra. Segundo os dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), que não incluem esta última morte, a gripe aviária infectou 334 pessoas no mundo todo, dos quais 205 morreram.

Tudo o que sabemos sobre:
SumatraIndonésiagripe aviáriaH5N1

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.