HC instala telão para pacientes não faltarem às consultas durante a Copa

Mais de 290 aparelhos de TV distribuídos pelo hospital também vão exibir os jogos a partir desta sexta

estadão.com.br

09 Junho 2010 | 19h20

SÃO PAULO - O Instituto Central do Hospital das Clínicas, da Faculdade de Medicina da USP, instalou um telão de 5 por 4 metros, com imagem digital, no prédio dos ambulatórios para que os pacientes não interrompam o tratamento durante os jogos do Brasil na Copa do Mundo.

 

O local também recebeu decoração verde e amarela. Faixas com 33 metros de comprimento suspensas no teto, bandeiras e cordões dão um clima de festa ao hospital.

 

Além disso, 291 aparelhos de televisão, distribuídos pelas salas de espera, alas de internação, centro cirúrgico e conforto médico vão exibir os jogos. Pelo Instituto Central do HC circulam, em média, 10 mil pessoas por dia, entre pacientes, visitantes e profissionais da saúde.

 

Médicos e funcionários também contarão com telões de 2 por 1,5 metro no anfiteatro do instituto.

 

Para o diretor executivo do Instituto Central do HC, Carlos Suslik, a iniciativa deverá conciliar a assistência médico-hospitalar com a vontade de o brasileiro assistir aos jogos, além de prevenir o absenteísmo e não prejudicar o atendimento.

 

Suslik acrescentou ainda que qualquer atividade que proporcione alegria pode trazer benefícios para a saúde do paciente e maior satisfação para médicos, enfermeiros e profissionais administrativos.

Mais conteúdo sobre:
HCCopa do MundoCarlos Suslik

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.