Homem de 21 anos é a 86ª vítima da gripe aviária na Indonésia

Ainda se investiga a causa do contágio; autoridades não sabem se o morto esteve em contato com aves

Associated Press e Efe,

01 de outubro de 2007 | 02h25

A gripe aviária fez sua 86ª vítima na Indonésia. Um homem de 21 anos morreu na sexta-feira após ficar três dias internados em um hospital em Jacarta. Análises feitas em dois laboratórios confirmaram a presença da cepa H5N1, a mais mortífera das 12 conhecidas da gripe aviária até agora, disse à imprensa local a porta-voz do Ministério, Lily Sulisyowati. Ainda se investiga a causa do contágio, pois as autoridades desconhecem se o morto esteve em contato com aves. A Indonésia tem um índice de contágio de 78% em casos confirmados, e a epizootia virou endêmica nas ilhas de Java (a mais povoada do país), Sumatra e Bali, além do sul das Célebes.

Tudo o que sabemos sobre:
Indonésiagripe aviária

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.