Anvisa
Anvisa

Hospital das Clínicas só dará vacina da febre amarela a quem tiver comprovante de viagem

Centro médico também anunciou suspensão temporária da emissão de certificado internacional de vacinação

Fabiana Cambricoli, O Estado de S.Paulo

18 Janeiro 2018 | 17h18

SÃO PAULO - O Hospital das Clínicas de São Paulo anunciou que a partir desta sexta-feira, 19, passará a disponibilizar a vacina da febre amarela somente para viajantes com comprovante da viagem, como passagens de avião ou de ônibus. A única exceção será aberta para pacientes com condições especiais encaminhados por alguma Unidade Básica de Saúde (UBS), mediante solicitação escrita.

O centro médico anunciou ainda que suspendeu temporariamente a emissão do Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia, documento necessário para quem vai viajar a países que exigem a imunização contra febre amarela.

Dessa forma, mesmo quem for vacinado no HC terá de procurar posteriormente postos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nos aeroportos para a emissão do certificado.

A decisão por limitar a vacinação e suspender a emissão do certificado ocorreu pelo aumento expressivo do número de pessoas que passaram a buscar o centro nos últimos dias. O número de doses aplicadas diariamente tem chegado a 500.

O HC ressalta que quem não tiver comprovante de viagem nem encaminhamento médico escrito deverá procurar os postos de saúde para tomar a vacina contra a febre amarela.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.