Governo do Estado de SP/Divulgação
Governo do Estado de SP/Divulgação

Hospital de Campanha do Pacaembu recebe 22 pacientes nesta terça, 7

Duas pessoas estão em estado grave; demais estão em leitos de baixa complexidade

Redação, O Estado de S.Paulo

07 de abril de 2020 | 22h20

O Hospital Municipal de Campanha do Pacaembu, zona oeste de São Paulo, registrou 22 pacientes nesta terça-feira, 7. Duas pessoas estão na sala de estabilização, destinada ao tratamento de pacientes com coronavírus em estágios mais graves. Os demais estão em leitos de baixa complexidade. 

A previsão é de que mais dez pessoas sejam admitidas ainda nesta terça. As vagas são controladas pela Secretaria Municipal de Saúde, e a operação do local é feita pelo Instituto de Responsabilidade Social do Hospital Israelita Albert Einstein

O espaço foi montado por causa da pandemia do novo coronavírus e tem 192 leitos de baixa complexidade e oito semi-intensivos com respiradores. O Hospital do Pacaembu passou a receber pacientes desde essa segunda-feira, 6.

Um dos pacientes internados no primeiro dia de funcionamento recebeu alta e foi encaminhado para a rede municipal, após ter o quadro clínico agravado e, posteriormente, estabilizado. Na capital paulista, também são montados hospitais de campanha no Complexo do Anhembi, na zona norte, e no Complexo Esportivo do Ibirapuera, zona sul. 

Balanço até as 17h30 desta terça:

  • Total de pacientes internados - 22
  • Pacientes em leitos de enfermaria (baixa complexidade) - 20
  • Pacientes em leitos de estabilização (casos complexos) - 2
  • Pacientes transferidos para hospitais após agravamento do quadro - 1
  • Pacientes em processo de transferência para o HMCamp do Pacaembu - 10

/ COM INFORMAÇÕES DA AGÊNCIA BRASIL

Receba no seu email as principais notícias do dia sobre o coronavírus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.