Imagem do Hubble mostra galáxia distante como 'ilha' no espaço

NGC 4911 faz parte de aglmoerado a 320 milhões de anos-luz

estadao.com.br

10 de agosto de 2010 | 15h13

Imagem revela a galáxia NGC 4911, no aglomerado de Coma, em Coma Berenices. HST/Nasa-ESA

 

Uma imagem de longa exposição feita pelo Telescópio Espacial Hubble mostra uma majestosa galáxia espiral localizada nas profundezas do aglomerado de Coma, que fica a 320 milhões de anos-luz, na constelação de Coma Berenices. 

 

A galáxia, conhecida como NGC 4911, contém depósitos de poeira e gás perto do centro. Eles aparecem em silhueta contra o brilho dos aglomerados próximos de estrelas recém-nascidas e nuvens rosadas de hidrogênio.

 

O Hubble também conseguiu capturar os braços espirais externos da galáxia, bem como milhares de outras galáxias de vários tamanhos.

 

A imagem divulgada combina dados obtidos em 2006, 2007 e 2009, e que exigiram um tempo de exposição de 28 horas.

Tudo o que sabemos sobre:
hubblegaláxia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.