Imagem mostra luas de Saturno causando perturbações nos anéis

Dafne e Pã afetam as partículas que formam o disco do sistema de anéis do planeta gigante

estadao.com.br,

30 Julho 2010 | 17h38

Pequenas luas orbirtam dentro das falhas dos anéis do planeta. Nasa

 

Os anéis de Saturno não são discos impassíveis de partículas: o material que os compõe é constantemente puxado e empurrado, o que causa deformações que se propagam pelo sistema.

 

À esquerda na da imagem, a lua Dafne, com 8 km de diâmetro, afeta o material ao orbitar a Falha de Keeler, no Anel A. A lua tem uma órbita inclinada, e seu puxão gravitacional perturbas as partículas na borda do anel, esculpindo a borda em ondas. O material na borda externa move-se mais devagar que a lua, então as ondas ficam no rastro de Dafne.

 

À direita, o material na borda da falha de Encke apresenta ondas provocadas pela lua Pã (28 km de diâmetro).

 

A imagem foi feita em luz visível em 3 de junho, pela sonda Cassini, que se encontrava a uma distância de 531.000 km de Saturno. A escala é de 3 quilômetros por pixel.

Mais conteúdo sobre:
saturnocassini

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.