Infecções foram responsáveis por 64% da mortalidade infantil em 2010

Doenças suscetíveis de prevenção como diarreia, pneumonia e sarampo foram as principais responsáveis pelas mortes de crianças menores de cinco anos em todo o mundo

Efe,

11 de maio de 2012 | 08h40

 Doenças infecciosas suscetíveis a prevenção como diarreia, pneumonia e sarampo foram responsáveis por 64% das mortes de crianças menores de cinco anos em todo o mundo em 2010, publica a revista médica britânica "The Lancet".

Dos 7,6 milhões de crianças dessa idade falecidas em 2010, 4,87 milhões morreram por causa dessas doenças, segundo os resultados de um estudo elaborado por pesquisadores da John's Hopkins Bloomberg School of Public Health, de Baltimore (EUA), que se basearam em dados de 193 países.

Entre 2000 e 2010, as mortes por essas causas sofreram redução de dois milhões - 26% -, mas segundo os autores do estudo só alguns poucos países conseguirão cumprir a percentagem de mortalidade infantil fixada no quarto item dos Objetivos do Milênio das Nações Unidas.

A ONU pretende reduzir em dois terços a mortalidade infantil em crianças menores de cinco anos entre 1990 e 2015.

As doenças infecciosas que mais contribuíram para esses falecimentos foram pneumonia (14,1% das mortes totais), diarreia (9,9%) e malária (7,4%).

Duas de cada cinco crianças (40,3%) morreram durante seu primeiro mês de vida, principalmente devido a pneumonia, parto prematuro e meningite.

O autor principal do estudo, Robert Black, considerou que, para alcançar o objetivo da ONU, as mortes por doenças infecciosas deveriam ser reduzidas a um ritmo anual de 4,4% por país, enquanto atualmente descem 2,6%.

Metade das mortes infantis por estas doenças em 2010 foi registrada na África, seguida pelo sudeste asiático, com 33% do total.

Índia, Nigéria, Paquistão, República Democrática do Congo e China somaram, juntos, metade das mortes infantis em todo o mundo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.