McDonald's tira tomate de lanches devido à salmonela nos EUA

Para empresa, isso é 'medida de precaução' depois que a bactéria foi infectou em 145 pessoas em 16 estados

Efe

09 de junho de 2008 | 20h08

A rede de fast-food McDonald's anunciou nesta segunda-feira, 9, que não incluirá tomates fatiados em seus hambúrgueres nos Estados Unidos devido ao surto de infecção por salmonela registrado em boa parte do país.  A empresa enfatizou que se trata de "uma medida de precaução", depois que a bactéria que causa a intoxicação foi encontrada em 145 pessoas em 16 estados americanos. Até agora, pelo menos 23 pessoas foram hospitalizadas, mas não foram reportados casos fatais. A Administração de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA, em inglês) alertou os americanos no sábado para que não comam tomates vermelhos redondos crus e tomates alongados das variedades "roma" e "ameixa". Também recomendou aos restaurantes do país que não incluam fatias de tomate cru desses tipos em seus menus. A FDA disse que é seguro comer outras variedades do fruto e os tomates vendidos ainda em galho. O McDonald's disse que continuará oferecendo tomates do tipo "uva" em suas saladas. O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, (CDC, em inglês), outra agência governamental, acredita que os tomates contaminados foram distribuídos em todo o país, mas ainda não determinou sua origem. A maioria das pessoas infectadas com a salmonela sofre de diarréia, febre e dor abdominal durante entre quatro e sete dias. É especialmente perigosa para as crianças, idosos e pessoas com problemas no sistema imunológico, para os quais pode ser fatal. O surto atual é causado pela Salmonella saintpaul, uma variação rara da bactéria que só infectou três pessoas nos EUA no ano passado, segundo o CDC.  Outras empresas Segundo a imprensa americana, além do McDonald's, que possui a maior rede de restaurantes do mundo, cadeias de supermercados como Ralphs, Vons, Grocers Supervalu, Winn-Dixie Stores, Target e Wal-Mart suspenderam as vendas dos tomates vinculados aos casos de salmonela. A esse grupo se acrescentaram também os restaurantes Chipotle Mexican Grill e Taco Bell.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.