Mil casos de gripe suína foram registrados em um dia, diz OMS

Número de infectados por A (H1N1) sobe para 8.451 em 36 países; Turquia e Índia têm primeiras confirmações

Agências internacionais,

16 Maio 2009 | 08h09

O número de infectados pela gripe A (H1N1), mais conhecida como gripe suína, aumentou para 8.451 em 36 países, anunciou neste sábado, 16, a Organização Mundial da Saúde (OMS) em seu último balanço, em que foram registrados mais de mil casos em um dia. Ainda neste sábado, Índia e Turquia anunciaram os primeiros casos da doença.

 

Veja também:

especial Mapa: veja como a gripe está se espalhando

especialEntenda a gripe suína: perguntas e respostas 

video Infectologista esclarece cuidados que serão tomados 

mais imagens Veja galeria de fotos da gripe suína pelo mundo   

som 'Meios de transportes facilitam a propagação'

documento Folheto oficial do Ministério da Saúde   

 

EUA têm 4.714 casos confirmados, incluindo cinco mortes. O México, por sua vez, já registra 2.895 casos e 66 mortes, enquanto o Canadá tem 496 infectados e uma morte. A OMS indica que os números podem ter diferenças daqueles anunciados pelos governos.

 

O Ministério da Saúde turco informou que o primeiro foi detectado em um passageiro que chegou a Istambul procedente dos EUA e que tinha como destino o Iraque. O passageiro, cuja identidade não foi divulgada, tinha feito escala em Amsterdã e após chegar a Istambul foi internado no hospital Haseki para ser submetido a observação.

 

Em entrevista coletiva posterior à comunicação oficial do caso, o ministro da Saúde, Recep Aktag, disse que o estado geral do paciente era satisfatório e que foi revisada a lista de passageiros do avião para comprovar se estes podem ter tido contato com o afetado.

 

O caso de gripe suína foi detectado pelas câmaras com sensibilidade térmica que as autoridade turcas instalaram nos principais aeroportos do país e que detectam a temperatura do corpo, e possível febre, dos passageiros.

 

Já na Índia, o primeiro paciente foi posto em quarentena, informou o Ministério da Saúde local. O indiano veio de um voo precedente Dubai com destino a Hyderabad. Segundo o ministério, uma pessoa no avião havia regressado dos EUA. Todas os outros passageiros da aeronave estão sendo observados.

 

Mais conteúdo sobre:
gripe suína A (H1N1)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.