Camila Domingues/Palácio Piratini
Camila Domingues/Palácio Piratini

Ministério da Saúde antecipa vacinação contra a gripe no País

Postos vão ofertar imunizante para grupos prioritários a partir de 17 de abril; professores serão incluídos na campanha a partir deste ano

Lígia Formenti, O Estado de S.Paulo

03 Março 2017 | 11h24

BRASÍLIA - A campanha de vacinação contra gripe será antecipada neste ano, a exemplo do que ocorreu em 2016. O ministro da Saúde, Ricardo Barros, afirmou que postos de saúde de todo o País vão ofertar o imunizante para grupos prioritários a partir de 17 de abril. Para profissionais de saúde, a vacinação começa ainda mais cedo: a partir do dia 10 de abril.

Professores das redes pública e particular de ensino passarão neste ano a ser vacinados contra a gripe em postos de saúde. A classe profissional não fazia parte do grupo beneficiado pela campanha.

A antecipação do calendário foi feita diante do pedido de secretários estaduais de Saúde da Região Sul do País. Entre as justificativas para solicitação estava o comportamento que a doença apresentou no ano passado.

O aumento de casos da infecção foi registrado logo depois do verão, antes mesmo de a vacinação ter início. O fenômeno levou a um aumento importante de casos de gripe e de mortes provocadas pela doença.

Mais conteúdo sobre:
BRASÍLIARicardo BarrosSaúde

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.