Morre na Holanda homem infectado por gripe A mutante

Nova variação do vírus da doença, resistente ao Tamiflu, já foi detectada em mais duas pessoas no país

Efe,

04 Dezembro 2009 | 10h21

As autoridades de saúde da Holanda anunciaram nesta quinta-feira, 3, que morreu no país um homem infectado com uma mutação do vírus AH1N1, causador da gripe A. A vítima, que já estava doente quando contraiu o vírus, morreu domingo, no Hospital Universitário de Groningen (norte), informou o Instituto Holandês de Saúde e Meio ambiente (IHSMA).

Veja também:

linkEvolução da pandemia de gripe continua imprevisível, diz OMS

linkAumenta número de casos de gripe A resistentes a Tamiflu

linkBrasil vai vacinar idosos, grávidas e crianças

 

Mutações do vírus da gripe A já foram detectadas em outras duas pessoas na Holanda. Mas, por enquanto, nenhum óbito relacionado à gripe mutante havia sido registrado. Segundo a TV pública holandesa, o homem que morreu foi tratado com o antigripal Tamiflu, ao qual o vírus apresentou resistência.

 

Atualmente, a Holanda está em plena campanha de vacinação contra a gripe A. Na semana passada, a imunização foi ampliada a crianças de seis meses a 4 anos idade.

 

Na semana passada, na França também foram registradas duas mortes causadas por mutações do vírus AH1N1.

Mais conteúdo sobre:
Holanda mutação gripe A morte

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.