MP investiga falta de material no Hemocentro de Goiás

O Ministério Público Federal (MPF) instaurou inquérito civil público para apurar a falta de insumos necessários para realizar exames no Hemocentro de Goiás. De acordo com o órgão, desde janeiro de 2010 a entidade estaria trabalhando de maneira precária. Até mesmo reagentes químicos estariam em falta.

AE, Agência Estado

06 Abril 2011 | 14h01

O MPF enviou ofício à Secretária-Executiva do Ministério da Saúde, à Secretaria de Estado da Saúde e à Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia, requisitando, no prazo de cinco dias, informações a respeito das medidas adotadas para garantir os materiais necessários para a regularização do funcionamento do hemocentro.

Mais conteúdo sobre:
MP hemocentro investigação material Goiás

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.