Mulher morre em MG após tomar anestésico

A dona de casa Zélia Ferreira Elpídio, de 30 anos, morreu sábado passado aparentemente pelo uso de anestésicos do laboratório Hipolabor, de Sabará (MG). Ela e outras sete mulheres tiveram convulsões no Hospital São João de Deus, em Santa Luzia, na Grande Belo Horizonte. Elas tomaram a medicação ao passar por cesárea ou cirurgia uterina. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a suspensão de dois lotes dos anestésicos. O laudo será concluído em 20 dias.

Agencia Estado,

21 de março de 2006 | 11h15

Tudo o que sabemos sobre:
notícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.