Tatiana Fortes/Governo do Ceará
Tatiana Fortes/Governo do Ceará

No Ceará, 96,7% dos leitos de UTI estão ocupados; 25 hospitais não têm mais vaga

Região de São Luís do Maranhão também tem quase 95% das unidades de terapia intensiva para covid lotadas

Pablo Pereira, O Estado de S.Paulo

09 de março de 2021 | 11h59

O sistema de saúde no Nordeste brasileiro se agravou no final de semana pelo aumento nas internações por covid-19. No Ceará, o índice de ocupação na UTI já alcança taxa de 96,7% para leitos de adultos, com vários hospitais sem vaga para internação em terapia intensiva. Em apenas um dia - de segunda, 8, para terça-feira, 9 -, o número de hospitais no Estado com 100% das UTIs ocupadas passou de 19 para 25.

É o caso do Hospital Geral de Fortaleza (26 leitos de UTI ocupados), Hospital Geral Dr. César Cals (10 leitos), Hospital Antônio Prudente (56) e Hospital de Campanha Dr. Francisco Alves (20). No Hospital Geral da capital, todas as demais enfermarias, 114 vagas, também estão ocupadas.

As informações são da Secretaria Estadual da Saúde e estão atualizadas no site IntegraSus, que acompanha a situação diária da doença na região.

Leitos de covid-19 no Maranhão

No Maranhão, os dados gerais da chamada Grande Ilha, região onde fica a capital, São Luís, apontavam que a ocupação das UTIs alcança 94,97% dos 179 leitos.

Segundo levantamento, no dia 7, apenas 9 leitos permaneciam disponíveis na ala das internações de UTI exclusivas de pacientes de covid. De acordo com o boletim, dos 410 leitos clínicos separados para a covid, a ocupação chegava a 94,1%, restando somente 24 vagas em enfermaria.

Em Imperatriz, que tem 61 leitos de UTI para covid, restavam apenas duas vagas, atingindo uma lotação de 96,7% de ocupação, além de mais 132 dos 138 leitos de enfermaria também ocupados ( 95,6%).

Na manhã de segunda-feira, 8, a Secretaria de Estado da Saúde do Maranhão informou que a rede hospitalar estadual geral encontra-se com 86,17% dos leitos de UTI ocupados, conforme divulgado no boletim epidemiológico do dia 7.

De acordo com a Secretária do Maranhão, está previsto para esta semana a abertura de mais 162 leitos de UTI e leitos clínicos exclusivos para pacientes da Covid-19, distribuídos pelas cidades de São Luís, Imperatriz e Açailândia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.