Ricardo Moraes/ Reuters
Ricardo Moraes/ Reuters

Novo coronavírus causa mais 74 mortes no Estado do Rio; total é de 6.781 óbitos

A Secretaria Estadual da Saúde contabilizou no mesmo período 1.473 moradores fluminenses que já contraíram a doença; já são 69.499 os registros de contaminação desde o início da pandemia

Fernanda Nunes, O Estado de S.Paulo

08 de junho de 2020 | 19h40

RIO - No Estado do Rio de Janeiro, 74 pessoas morreram de covid-19 nas últimas 24 horas, segundo boletim divulgado nesta segunda-feira, 8, pela Secretaria Estadual de Saúde. Com isso, chegou a 6.781 o número de óbitos acumulados até hoje. Há, ainda, 1.134 mortes sendo investigadas.

Em seu balanço diário, a pasta confirmou, nas últimas 24 horas, que outros 1.473 moradores fluminenses já contraíram a doença e que já são 69.499 os registros de contaminação desde o início da pandemia.

A capital Rio de Janeiro continua a ser a cidade com o maior número de casos confirmados da covid-19, com 36.893 registros, seguida de Niterói (4.186), São Gonçalo (2.616) e Nova Iguaçu (2.181). 

No município do Rio, também ocorreu a maior parte das mortes, 4.516 no total. Em seguida, aparecem Duque de Caxias (299), Nova Iguaçu (249) e São Gonçalo (240).

Nesta segunda-feira, o Ministério da Saúde confirmou mais 679 óbitos pelo novo coronavírus no Brasil, o que eleva o total de vítimas fatais da infecção para 37.134.  No mesmo período, houve o diagnóstico de 15.654 novos casos de infecção e agora são 707.412 no total. O Brasil é o terceiro país com mais mortes no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e do Reino Unido

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.