Número de crianças obesas preocupa

O número de crianças obesas aumentará de maneira drástica até o final desta década. A tendência causará impacto profundo em diferentes setores, desde os sistemas de saúde até a economia, afirma estudo divulgado hoje na publicação especializada International Journal of Pediatric Obesity. Estima-se que quase a metade das crianças da América do Norte e da América do Sul estarão acima do peso em 2010. Atualmente a taxa média é de 28%. Segundo Philip James, presidente da Comissão Internacional sobre Obesidade, México, Chile, Brasil e Egito apresentam taxas comparáveis às de 1º Mundo.

Agencia Estado,

06 de março de 2006 | 09h44

Tudo o que sabemos sobre:
notícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.