Nuvem tóxica de poeira cobre Coréia do Sul

Tempestade de areia vinda da China fecha escolas e obriga moradores a usar máscaras

Da BBC Brasil, BBC

04 de março de 2008 | 13h00

Uma gigantesca nuvem de poeira engoliu a maior parte da Coréia do Sul e obrigou escolas a serem fechadas na segunda-feira. A nuvem é formada por areia e poeira tóxica carregada da China. As tempestades de areia que se abatem sobre o país nesta época do ano são formadas no deserto de Góbi, na China, e atingem algumas partes do Japão, além da península coreana. Todo o ano, o fenômeno provoca bilhões de dólares em prejuízo, e o governo sul-coreano calcula que a nuvem amarela mata 165 pessoas por ano. Entre março e maio, muitos coreanos só andam nas ruas com o rosto coberto por máscaras de algodão, e lentes de contato passam a ser evitadas. Nos últimos anos, a freqüência e a toxicidade da nuvem vêm se acentuando, o que aumenta as tensões entre a China e seus vizinhos. A poeira fica tóxica depois de passar por regiões industriais chinesas.   BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.