OMS anuncia descoberta de novo vírus similar ao da Sars

Agente infeccioso foi identificado na Grã-Bretanha em um homem que havia estado na Arábia Saudita; vírus da Sars matou 800 pessoas no mundo em 2002

Reuters, Reuters

24 Setembro 2012 | 11h40

Um novo vírus pertencente à mesma família do vírus da Sars, que matou 800 pessoas no mundo em 2002, foi identificado na Grã-Bretanha em um homem que havia recentemente estado na Arábia Saudita, informou a Organização Mundial de Saúde (OMS).

O órgão de saúde da ONU, que emitiu um comunicado por meio de seu sistema de "resposta e alerta global" no domingo, disse que exames no paciente, um homem do Catar de 49 anos, confirmaram a presença de um novo, ou recente, coronavírus.

Os coronavírus são uma grande família de vírus que incluem tanto a gripe comum como a Sars (Síndrome Respiratória Aguda Grave, na sigla em inglês).

"Dado que este é um recente coronavírus, a OMS está atualmente no processo para obter mais informações a fim de determinar as implicações na saúde pública", disse o comunicado da agência.

A Sars apareceu na China em 2002 e matou cerca de 800 pessoas em todo mundo, antes de ser controlada.

O diretor do Centro de Infecções Respiratórias da Faculdade Imperial de Londres, Peter Openshaw, disse que neste est&aacu