OMS mantém alerta de pandemia de gripe A

Organização entende que 'continua sendo crítico que os países mantenham a vigilância em relação à pandemia'

Efe

03 Junho 2010 | 12h02

A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou nesta sexta-feira, 3, a decisão de manter o alerta de pandemia da gripe A, um ano após sua entrada em vigor e a adoção de medidas excepcionais de saúde no mundo todo para controlar sua propagação.

A diretora geral da OMS, Margaret Chan, anunciou que o Comitê de Emergência do organismo voltará a se reunir em meados de julho para avaliar a situação.

A decisão de Chan foi tomada após uma reunião do Comitê de Emergência na última terça-feira, por teleconferência.

Segundo as recomendações do Comitê, "de uma perspectiva global, embora continue a pandemia, o período de atividade mais intensa parece ter passado em muitas partes do mundo".

Mas agregaram que "continua sendo crítico que os países mantenham a vigilância em relação à pandemia".

Por isso, após estudar as recomendações dos cientistas, Chan decidiu hoje não suspender o alerta e convocar uma nova reunião do Comitê de Emergência para meados de julho, "quando já estiver disponível as informações sobre a gripe no inverno do hemisfério Sul".

Mais conteúdo sobre:
gripe A OMS pandemia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.