Salvatore Di Nolfi/EFE
Salvatore Di Nolfi/EFE

OMS solicita que países intensifiquem monitoramento de gripe aviária

Organização informou que, desde novembro do ano passado, 40 países relataram novos surtos da doença

O Estado de S. Paulo

23 Janeiro 2017 | 13h05

SÃO PAULO - A Organização Mundial da Saúde (OMS) emitiu um alerta nesta segunda-feira, 23, com um apelo para que todos os países comecem a acompanhar de perto surtos de gripe aviária e fazer o relato imediato se casos forem registrados em seres humanos.

"Desde novembro do ano passado, cerca de 40 países relataram novos surtos de gripe aviária altamente patogênica em aves de criação ou aves silvestres. A expansão rápida da distribuição geográfica desses surtos e o número de cepas do vírus em cocirculação atualmente colocaram a OMS em alerta elevado", informou a diretora-geral da OMS, Margaret Chan.

Margaret disse ainda que houve um "aumento súbito e acentuado" de casos de H7N9 na China desde dezembro e que a organização ainda não conseguiu descartar a propagação de humano para humano em dois grupos de casos, apesar de, até o momento, não tenha sido detectada a disseminação sustentada da doença. /REUTERS

 

Mais conteúdo sobre:
Gripe Aviária

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.