Catedral de Botucatu/ Divulgação
Catedral de Botucatu/ Divulgação

Padre usa avião para espalhar água benta contra o coronavírus no interior paulista

Medida inovadora veio depois da suspensão das celebrações religiosas

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

26 de março de 2020 | 11h00

SOROCABA - Com as celebrações religiosas presenciais suspensas, em razão do coronavírus, um padre católico decidiu levar a bênção aos fiéis de uma forma inusitada e sem risco de transmissão do vírus. Com um avião agrícola usado para pulverizar lavouras, o padre Emerson Rogério Anizi, da Catedral Metropolitana de Botucatu, espalhou água benta sobre as populações desta cidade e da vizinha São Manuel, no interior de São Paulo. Outras cidades já pedem a bênção aérea do sacerdote para proteção contra a doença.

Padre Emerson decolou do aeroporto de Botucatu vestindo os paramentos religiosos e levando um ostensório, peça dourada que abriga o Santíssimo Sacramento, conforme o rito católico. Ele, que também usava luvas e máscara, acompanhou a pulverização com água benta em um avião bimotor, proferindo as orações da bênção. “Vamos derramar a água abençoada em todas as famílias, não importa a religião, porque estamos juntos com o mesmo Deus. Pedimos essa força para fazer tudo o que estiver ao nosso alcance, mas confiando em Deus nesse momento que nos desafia”, disse, em vídeo postado na página oficial da catedral.

O padre dirigiu as bênçãos também às equipes de saúde, segurança e limpeza das ruas. Ele pediu atenção especial para os idosos, enfermos e pessoas que estão encarceradas. “Peço ao bom Deus que nos proteja, nos livre do mal, e para que cada um tenha consciência do que deve ser feito, pois juntos somos mais fortes. Não tenhamos medo, mas prudência e vigilância. Que Deus nos abençoe e cuide das nossas famílias.”

Padre Emerson disse que sua iniciativa pode aliviar a tensão e levar conforto para as pessoas que enfrentam o confinamento social devido ao coronavírus. “É uma forma de mostrar que ninguém está sozinho, que Deus está cuidando de todos nós.” Conforme a secretaria da igreja, moradores e até prefeitos de outras cidades entraram em contato para pedir a bênção do alto em suas cidades, mas a estrutura não pode ser disponibilizada com frequência. O padre disse que a invocação que fez durante a bênção foi extensiva a toda a população brasileira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.