Divulgação
Divulgação

Pai vê inseto em tubo de respiração da filha na UTI no interior de SP

Diretor do hospital disse que não havia perigo para a criança porque o aparelho estava desligado

José Maria Tomazela - O Estado de S.Paulo,

04 de março de 2013 | 16h50

SOROCABA - Familiares de uma criança internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica do Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS), mantido pelo governo estadual, encontraram um inseto no tubo de oxigênio da criança. O pai da menina de dois anos, internada há seis meses com síndrome de atrofia muscular, fotografou o inseto, conhecido popularmente como 'tesourinha'.

Alertada, a equipe de enfermagem trocou o tubo do aparelho de respiração. De acordo com o pai da paciente, o inseto entrou na UTI porque o aparelho de ar condicionado está quebrado e as janelas são mantidas abertas. O diretor do CHS, Luis Cláudio de Azevedo, disse nesta segunda-feira (4) que o respirador estava desligado, por isso foi "invadido" pelo inseto.

"Embora a imagem seja forte, o risco para a criança não existia", afirmou. "Se o respirador estivesse em uso, o inseto não conseguiria entrar." De acordo com o diretor, o aparelho de ar condicionado da UTI permaneceu quebrado durante dois meses e foi necessário deixar as janelas abertas para arejar o ambiente. O problema com o inseto poderia ter acontecido em qualquer hospital, segundo ele. Ele informou que o aparelho já foi consertado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.