Epitacio Pessoa/AE
Epitacio Pessoa/AE

Paraná registra número recorde de transplantes em 2011

Nos últimos nove meses, foram realizados 1.191 transplantes; esse número superou o índice registrado em 2009, de 886 procedimentos

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

11 de outubro de 2011 | 19h41

SÃO PAULO - O número de transplantes de órgãos e córneas realizados no Estado do Paraná até setembro deste ano é o maior desde a criação da Central Estadual de Transplantes, em 2000. Nos últimos nove meses, foram realizados 1.191 transplantes - superando o índice registrado em 2009, de 886 procedimentos.

As estatísticas consideram apenas os transplantes a partir de doadores mortos, de fígado, rins, pâncreas, coração, rins/pâncreas e córneas. 

Segundo o governo do Paraná, o aumento é resultado da agilidade das equipes na captação e no transporte dos órgãos, inclusive com a utilização dos aviões e helicópteros.

A doação só pode ser realizada se os familiares autorizarem. Para ser um doador de órgãos é preciso que as pessoas manifestem a vontade aos parentes mais próximos.  

Tudo o que sabemos sobre:
Paranátransplantes2011SaúdeVida

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.