Passam de 50 as mortes confirmadas por dengue na Bahia

Ao todo, foram notificados 68.959 suspeitas da doença na Bahia, 173% a mais do que no mesmo período de 2008

Tiago Décimo e Solange Spigliatti, da Agência Estado e Central de Notícias ,

18 Maio 2009 | 19h52

Chegaram a 51 as mortes confirmadas por dengue na Bahia este ano. Segundo a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), há, ainda, 60 óbitos sendo investigados. De acordo com o levantamento epidemiológico relativo ao período entre o início do ano e 9 de maio, divulgado na tarde desta segunda-feira, 18, o número de casos registrados a cada semana continua em queda.

 

Veja o panorama da dengue no Brasil

 

Ao todo, foram notificados 68.959 suspeitas da doença na Bahia, 173% a mais do que os registros no mesmo período do ano passado (25.224). Na última semana analisada, foram notificados 1.760 casos, número menor que o da semana anterior (1.862) e bastante inferior à média registrada nas últimas semanas de março e primeiras de abril, de 6 mil casos.

 

Uma das mortes mais recentes atribuídas à doença é a de uma criança de 4 anos, que morreu no último sábado com suspeita de dengue hemorrágica no Hospital Couto Maia, em Salvador, na Bahia, segundo informações da diretoria do hospital. O menino foi internado no sábado, transferido de uma unidade de saúde, 16º Centro de Saúde Maria Conceição Imbassahy, no bairro de Pau Miúdo, em Salvador, já com o diagnóstico de suspeita da doença.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.