Marcelo CamargoAgência Brasil
Marcelo CamargoAgência Brasil

Pílula contra ressaca começa a ser vendida na Europa; entenda

Segundo os fabricantes do produto, comprimidos ajudam a processar o álcool antes de ele chegar ao fígado e evitam mal-estar do dia seguinte

Redação, O Estado de S.Paulo

06 de julho de 2022 | 07h49

Começou a ser vendida nesta semana na Europa uma pílula que promete aliviar os efeitos da ressaca. Dois comprimidos do suplemento Myrkl devem ser tomados pelo menos duas antes da ingestão de bebida, segundo os fabricantes, para aliviar os incômodos efeitos do dia seguinte a uma noite em que exageramos no álcool, como dor de cabeça, cansaço ou tontura. 

Ainda de acordo com a empresa, o remédio permite que o álcool no organismo seja quebrado em água e gás carbônico. Isso ocorre por meio da ativação de bactéria (Bacillus subtilis and Bacillus coagulans), um aminoácido (L-cysteine) e da vitamina B12.

A ideia é fazer com que essa decomposição aconteça antes de o líquido chegar ao fígado, onde o processsamento da substância é mais lento. Conforme a empresa, com o uso do produto a redução nos níveis de álcool após uma hora é de cerca de 70%.

O suplemento pode ser comprado online, com 30 cápsulas ao preço de £30 (cerca de R$ 192). Há opções de entrega delivery para o Reino Unido, Irlanda, Alemanha, França, Noruega, Itália, Suécia, Dinamarca, Áustria, Finlândia e Suíça. 

Tudo o que sabemos sobre:
alcoolismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.