Amanda Perobelli/Estadão
Amanda Perobelli/Estadão

Prefeitura de SP inicia vacinação contra febre amarela na zona sul

Imunização ocorre em bairros localizados perto da divisa com Itapecerica da Serra, onde macacos foram infectados com a doença

Felipe Cordeiro, O Estado de S.Paulo

20 Dezembro 2017 | 19h28

SÃO PAULO - A Prefeitura de São Paulo iniciará nesta quinta-feira, 21, a vacinação contra a febre amarela em bairros do extremo da zona sul da cidade. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a decisão de expandir a imunização para os distritos de Jardim Ângela, Parelheiros, Marsilac e parte do Capão Redondo se deve à proximidade com o município de Itapecerica da Serra, onde dez macacos foram diagnosticados com a doença a cerca de 4,5 quilômetros da divisa entre a capital e a cidade da região metropolitana.

+++ Sobe para 10 o número de mortes de macacos por febre amarela na capital

A SMS informou que a meta da pasta é vacinar 500 mil pessoas em 38 postos . Para os moradores de áreas rurais de Parelheiros e Marsilac, haverá vacinação casa a casa.

+++ Jundiaí registra primeiro caso de febre amarela em humano

Veja abaixo onde se vacinar contra a febre amarela na zona sul de São Paulo

+++ Guarulhos tem morte de macaco por febre amarela

"É importante esclarecer que não há nenhuma epizootia confirmada nestes bairros; por isso, diferentemente da realizada na zona norte da capital, a ação é preventiva, levando-se em consideração os corredores verdes na divisa com Itapecerica", afirmou a Secretaria Municipal de Saúde, em nota.

A pasta declarou que não houve nenhum caso registrado em humanos de febre amarela silvestre ou urbana na capital paulista.

 

Zona norte

Até esta quarta-feira, 19, 1.102.106 doses de vacina contra a febre amarela foram aplicadas na zona norte. A SMS afirmou que, apesar da intensa procura pela imunização nas primeiras semanas de campanha, que começou em 21 de outubro, a cobertura ainda está em torno de 50%. A meta da Prefeitura é imunizar toda a população da zona norte.

A secretaria reforçou que os moradores da região que não tomaram a vacina devem procurar uma das 90 Unidades Básicas de Saúde (UBS) que disponibilizam a dose.

Veja abaixo onde se vacinar contra a febre amarela na zona norte de São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.