Primeiro-ministro do Camboja e cinco membros do governo pegam gripe suína

Segundo comunicado, Hun Sen, de 59 anos, passou por 'tratamento urgente' e está se recuperando

Efe

30 Junho 2010 | 13h41

PHNOM PENH - O primeiro-ministro do Camboja, Hun Sen, e outros cinco membros do governo contraíram o vírus H1N1, causador da gripe suína, segundo fontes oficiais.

 

Segundo comunicado do Ministério da Saúde, Hun Sen, de 59 anos, passou por "tratamento urgente" após a reunião semanal que seu gabinete mantém todas as sextas-feiras. "Após tratamento dos médicos, o primeiro-ministro está se recuperando", acrescentou a nota.

 

Por conta da doença, Hun Sen não pôde participar dos atos de comemoração do 59º aniversário da fundação de sua formação política, o Partido do Povo do Camboja, que aconteceu na última segunda.

 

O comunicado acrescentou que outros cinco membros do governo (entre eles um dos vice-primeiro ministros, Yim Chhay Ly) também contraíram o vírus, embora não tenham sido divulgados detalhes sobre seu estado de saúde.

 

Desde que foi declarado o primeiro caso, em junho do ano passado, a influenza A afetou cerca de 600 pessoas e causou a morte de seis no Camboja.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.