Refrigerante pode ter rotulagem específica

Dois estudos que serão publicados nesta semana em revistas científicas engrossam as evidências de que refrigerantes efetivamente causam obesidade. Pode parecer pouco à primeira vista, mas o dado, se confirmado, tem potencial para provocar restrições à venda ou uma rotulagem específica. A indústria já reagiu. A Associação Nacional de Bebidas Gaseificadas dos Estados Unidos disse que é injusto culpar um único produto pela obesidade. Para o epidemiologista americano Michael Thun, as pesquisas não dizem que a bebida é a causa. "Significa que, em sua ausência, haveria menos obesos."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.