Repasse da União para secretarias e Santas Casas segue atrasado

Governo federal prometeu depositar R$ 2 bilhões na terça-feira, mas dinheiro ainda não caiu, segundo confederação

Fabiana Cambricoli, O Estado de S.Paulo

17 Dezembro 2014 | 23h07

O repasse do Ministério da Saúde para Estados, municípios, Santas Casas e demais hospitais filantrópicos continua atrasado mesmo após o governo federal prometer a regularização do pagamento para esta terça-feira, 16.

Os cerca de R$ 3,5 bilhões referentes ao pagamento de procedimentos de média e alta complexidade são depositados todo dia 10, o que não aconteceu neste mês. Na segunda-feira, 15, a situação foi denunciada pela Confederação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos (CMB), o que levou o ministério a se comprometer a pagar 70% do valor devido no dia seguinte e o restante nas próximas semanas.

Nesta quarta-feira, 17, a CMB afirmou que a promessa não foi cumprida e que, sem o dinheiro, o atendimento nas unidades está comprometido.

Procurado pelo Estado, o Ministério da Saúde afirmou que o dinheiro já foi depositado, mas que, por questões bancárias e burocráticas, pode demorar até dois dias úteis para cair na conta das instituições.

Mais conteúdo sobre:
santa casa ministério da saúde SUS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.