Ribeirão Preto tem mais casos de dengue do que em todo 2009

Os números já indicam que a cidade sofre uma epidemia da doença, pois tem 318 casos por 100 mil habitantes

Brás Henrique e João Naves, Agência Estado

25 Fevereiro 2010 | 19h44

Os 1.791 casos de dengue deste ano, até esta quinta-feira, 25, ultrapassaram os 1.694 registrados em todo o ano de 2009, em Ribeirão Preto. O número indica que a cidade sofre uma epidemia, pois tem 318 casos por 100 mil habitantes. As autoridades da saúde consideram que há epidemia quando a incidência da doença atinge 300 casos por 100 mil habitantes.

 

Estado de São Paulo lança megaoperação contra a dengue

 

A Secretaria Municipal de Saúde, no entanto, já considerava a situação como epidêmica, pois teme que ocorra explosão de casos entre março e abril - existem ainda 2.632 casos suspeitos.

 

Vários casos de confirmações de 2009 ainda foram computados nos últimos dias, pois os resultados de exames laboratoriais ficaram prontos recentemente.

 

Nesta quinta, uma equipe de fiscalização, com autorização judicial, entrou numa casa que estava abandonada e encontrou dois focos do mosquito Aedes.

 

Mato Grosso do Sul registrou 2.384 casos de dengue desde o início do ano, segundo boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde. Também a quantidade de casos de dengue hemorrágica aumentou nos dois últimos meses: 5 em janeiro contra 29 em fevereiro. Há 24.019 casos suspeitos.

 

 Uma morte foi confirmada como sendo dengue hemorrágica. Outras seis estão sendo analisadas.

Mais conteúdo sobre:
dengue

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.