Rio Grande do Norte confirma mais sete mortes por gripe suína

Estado registra um total de oito óbitos, 68 casos da doença e 150 aguardam os resultados dos exames

Fabiana Marchezi, da Central de Notícias,

17 de novembro de 2009 | 11h43

A Secretaria da Saúde do Rio Grande do Norte confirmou na última sexta-feira, 13, mais sete mortes decorrentes do vírus influenza A (H1N1), a gripe suína. Com isso, subiu para oito o número de óbitos pela doença no Estado.

 

Veja também:

linkBrasil compra 40 milhões de doses da vacinas contra a gripe A  

linkMais de 6 mil já morrem com gripe suína, informa OMS

 

Segundo a secretaria, as mortes ocorreram entre maio e novembro deste ano. Outros seis óbitos estão sob investigação e um foi descartado para a doença. Ao todo, o Estado registra 68 casos da doença e 150 aguardam os resultados dos exames, analisados pelo Instituto Evandro Chagas, em Belém, no Pará. Dos 358 exames enviados ao instituto, 140 foram descartados para o vírus influenza A (H1N1).

Tudo o que sabemos sobre:
gripe Agripe suinaRio Grande do Norte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.