José Luís da Conceição/Estadão
José Luís da Conceição/Estadão

Rio intensifica vacinação contra febre amarela em três cidades

Imunização em Nova Iguaçu, Tanguá e Miguel Pereira se inicia após exame confirmar morte de macaco pela doença na região

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

05 Janeiro 2018 | 19h52

RIO - A Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro decidiu intensificar a vacinação contra febre amarela em três municípios: Nova Iguaçu, Tanguá e Miguel Pereira, todos na região metropolitana. Não há epidemia da doença nessas cidades, mas a medida foi adotada depois que exame realizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) confirmou a morte por febre amarela de um macaco encontrado sem vida no dia 28 de dezembro, na Reserva Biológica Federal de Tinguá, na divisa entre Nova Iguaçu e Duque de Caxias. Em Tanguá e Miguel Pereira também foram encontrados macacos mortos pela febre amarela, segundo exames realizados ainda no ano passado.

+++ Área de recomendação de vacina contra febre amarela será ampliada

Um posto de vacinação começou a funcionar nesta sexta-feira, 5, na praça de Tinguá, distrito de Nova Iguaçu. Nas primeiras horas, já haviam sido vacinadas mais de 150 pessoas.

+++ Principal parque de Votorantim é fechado após morte de 3 macacos

Os três municípios têm grandes áreas de mata, visitadas por turistas. A Secretaria de Saúde recomenda às pessoas que forem viajar para essas áreas que tomem a vacina dez dias ou mais antes da viagem.

+++ SP vai aplicar dose fracionada de vacina contra febre amarela; litoral norte é alvo

Desde o ano passado, o Estado do Rio registrou 27 casos de febre amarela em humanos, com nove mortes.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.