Mel Evans/AP
Mel Evans/AP

Roche doa mais de 5 milhões de doses de Tamiflu para OMS

Empresa promete fabricar doses em capacidade máxima no combate ao vírus A (H1N1)

Agências internacionais

12 Maio 2009 | 04h54

O grupo farmacêutico suíço Roche anunciou nesta terça-feira, 12, a doação de 5,65 milhões de doses adicionais de seu antigripal Tamiflu, eficaz contra a gripe suína, para a Organização Mundial de Saúde (OMS).

 

Veja também:

especial Mapa: veja como a gripe está se espalhando

especialEntenda a gripe suína: perguntas e respostas 

video Infectologista esclarece cuidados que serão tomados 

mais imagens Veja galeria de fotos da gripe suína pelo mundo   

som 'Meios de transportes facilitam a propagação'

documento Folheto oficial do Ministério da Saúde   

 

O laboratório suíço também aumentará a capacidade de produção do antiviral, prometendo 110 milhões de doses nos próximos cinco meses, precisou em comunicado. É o equivalente a cerca de 22 milhões por mês.

 

A empresa pretende aumentar a produção para 36 milhões por mês até o final do ano. "É o equivalente a capacidade máxima anual de 400 milhões de séries de tratamento por ano", disse a companhia.

 

O objetivo deste acréscimo na produção é reconstituir as reservas regionais armazenadas pela OMS e Roche. Um adicional de 650 mil pacotes contendo pequenas doses da droga será usado para criar um novo estoque para crianças. Cada pacote da droga é suficiente para uma série do tratamento.

 

No entanto, com a estimativa de que possam ser infectadas 2 bilhões de pessoas nos próximos dois anos alguns especialistas questionam a Roche por ditar a produção de Tamiflu em uma pandemia.

 

A companhia estabelecida na Basileia licenciou a droga para alguns outros produtores fabricarem uma versão genérica, conhecida como oseltamivir, mas não há garantia que eles e a Roche estarão aptos para produzir doses suficientes rapidamente.

 

Texto alterado às 5h20 para correção de informação no título

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.